Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4
Acessibilidade 5 Alto contraste 6

Vereadores esclarecem dúvidas em relação à volta às aulas

Publicado em 17/02/2021 às 15:07 - Atualizado em 17/02/2021 às 15:07

 

As medidas de segurança necessárias para a retomada das aulas presenciais na rede municipal de Joaçaba foram o tema principal de um encontro entre os vereadores e a secretária municipal de Educação de Joaçaba, Tânia Durigon, na tarde desta terça-feira (16/02). A secretária aceitou um convite feito pela Câmara, por sugestão do vereador Juliano Pedrini. As aulas iniciam na quinta-feira, dia 18. Confira aos principais assuntos abordados: 

Plancon: a secretária Tânia disse que o município de Joaçaba seguirá todas as orientações previstas pelo governo do Estado no Plano de Contingência Estadual para a Educação – Plancon.  

Proteção: os vereadores questionaram a secretária sobre a disponibilização, nas escolas, de materiais de segurança, tanto para professores como para alunos tais como álcool gel, máscaras (para os professores) e tapetes sanitizantes para os acessos as escolas e salas de aula. Tânia Durigon informou que praticamente todo o material necessário está sendo distribuído e alguns itens ainda estariam chegando à Secretaria de Educação nesta quarta-feira (17). Os vereadores, embora reconheçam a importância de que as aulas presenciais sejam retomadas, reforçaram a importância de que todas as medidas de segurança em relação a prevenção ao coronavírus sejam cumpridas, inclusive o distanciamento. Eles disseram ainda que estarão fiscalizando as unidades de ensino nos próximos dias.

Cert: o grupo de vereadores questionou ainda por qual motivo a reforma que está sendo iniciada na escola Cert não foi realizada durante o ano de 2020, quando as aulas presencias estavam suspensas. “Temos certeza de que a reforma é necessária, mas, acreditamos que faltou planejamento por parte do Poder Executivo” avaliou o presidente da Câmara, Diego Bairros.

Reclamações: o vereador Juliano Pedrini, que foi quem sugeriu a reunião, disse que o encontro foi produtivo e que os pais devem estar atentos e também fazer o papel de fiscalizadores, buscando informações junto à diretora da escola ou não secretaria de Educação diante de qualquer dúvida.  

17-02-21


Parlamentares Relacionados